Um dia com elefantes no norte da Tailândia

Uma das coisas que eu mais queria fazer na Tailândia era ver elefantes, mas eu não queria de jeito nenhum subir e andar no lombo de nenhum deles porque acredito que elefantes não são para serem montados e turistas que fazem isso estão financiando um tipo muito ruim de turismo.

Existe muito turismo exploratório de elefantes na Tailândia, mas de uns anos pra cá o turismo sustentável e responsável de elefantes tem crescido bastante e foi assim que encontramos o Elephant Nature Park, que tem como objetivo cuidar de elefantes resgatados de fazendas que os maltratam, circos e grupos de exploração e dar-lhes uma casa e vida novas.

IMG_2288

No site do projeto existem muitos pacotes diferentes e é meio difícil escolher, alguns visitam o parque em si onde os elefantes são recém resgatados e a interação é um pouco menor, porém tem bastante elefantes, já outros visitam fazendas locais cujos donos abrem as portas pra turistas visitarem os seus elefantes que são mantidos com a ajuda do projeto e do preço dos ingressos, fazendo assim com que eles não usem os elefantes pra nenhum tipo de trabalho extra e apenas os deixem na área da fazenda.

Faz parte da cultura tailandesa ‘ter’ elefantes, pois no passado representava poder e influência da família dona dos animais e por ser algo tão cultural, é comum famílias ainda serem donas dos animais. Porém, com o aumento da consciência ambiental do país, os donos estão encontrando formas de continuar sendo donos dos animais sem os maltratar ou explorar. Nosso guia disse também que existem aproximadamente 3 mil elefantes selvagens, sem donos, espalhadas pelas áreas de reserva ambiental do país e o governo os protege.

Nossa escolha de projeto foi o Elephant Heaven, há 1h de carro de Chiang Mai e nosso dia começou às 8:30 da manhã. Ao chegar lá, fomos recepcionados com café e água, introduzidos ao projeto, que toma conta de dois elefantes fêmeas, de 23 e 4 anos. A de 4 anos foi recuperada de um circo e a de 23, hoje mãe adotiva da pequena, é da família.

Elas ficam soltos na fazenda, apenas separadas por uma mureta de bambu (que elas pulam toda hora) e são muito saudáveis e curiosas. Tínhamos um balde de bananas cada e depois de algumas instruções dos guias fomos alimentar as grandonas. Era só mostrar a banana que elas esticavam a tromba e pegavam da sua mão, surreal demais!

Depois de muita banana, fomos andar com elas, o que foi foda demais! Elas andam lado a lado com você e como nosso grupo era pequeno, apenas 6 pessoas e dois elefantes, nós nos divertimos a beça!

Paramos pra almoçar um buffet vegetariano tailandês incrível e em seguida trocamos de roupa e fomos com os elefantes para um banho de barro e sem brincadeira, todo mundo voltou a ser criança e foi barro pra todo lado e os elefantes muito felizes balançando as orelhas loucamente. Com muito barro espalhados pelo corpo, eles seguiram para o rio, onde novamente, todo mundo voltou a ser criança. Entramos na água junto com eles e sem dúvida foi a parte com a maior interação com eles, pois além de jogar água pra limpá-los, passamos a mão e chegamos bem pertinho deles.

Emocionante demais!

Voltamos pra fazenda pra mais bananas, tomar banho e como já eram 15h da tarde, seguimos de volta pro hotel cansados demais e com um sorriso de orelha a orelha. Pra mim, sem dúvida uma das melhores experiências da minha vida.

IMG_2483

Em Chiang Mai, tomamos outro banho, tiramos uma soneca e lá pelas 18h fomos visitar o Sunday Open Market que é enorme de gigante, resolvi também receber um spa nos pés feitos por peixinhos e depois disso tudo, fechamos o dia com um show dos famosos Lady Boys da Tailândia.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.