A rocha de Gibraltar – parte I

Gibraltar fica no extremo sul da Península Ibérica, onde também ficam Portugal e Espanha, tao perto do Norte da África que é praticamente possível nadar até o Marrocos.

Tecnicamente, Gibraltar nao é um país, mas sim um dos 14 Territórios Britânicos Ultramarinos, a última colonia britânica na Europa. Gibraltar foi cedido ao Reino Unido em 1714, com o fim da ‘Guerra de Sucessao Espanhola‘, onde a Espanha foi atacada por praticamente todos os paises europeus que queriam dominar o territorio do pais. Pra acabar com o guerra, o novo rei espanhol, Philip V, doou territorios espanhois para os paises que os atacam atacando e foi assim que o Reino Unido ‘ganhou’ Gibraltar.

gibraltar map
Mapa de Gibraltar no canto direito e localizacao de Gibraltar na Península Ibérica

Por ficar localizado no território espanhol, o governo da Espanha quer anexar Gibraltar ao país, mas os Gibraltarians nao querem de jeito nenhum  e votaram em 1967 e 2002 pra continuarem sob o dominio da coroa britânica e o Reino Unido respeita a decisao deles e continua responsável pela colonia.

Devido a sua localizacao, Gibraltar é bem peculiar. O idioma oficial é o ingles, mas todos os 30 mil habitantes da ‘rocha‘, como a cidade é conhecida, também falam espanhol e um dialeto unico conhecido como ‘llanito’, que é uma mistura de ingles, espanhol, maltes e portugues! A moeda é a libra, mas o euro também é aceito e diferente do resto do Reino Unido, eles dirigem na mao esquerda, como no restante da Europa.

Gibraltar faz parte da Uniao Européia através do Reino Unido e é o único território que possui tal direito. Por ser tao isolado, Gibraltar depende da Espanha pra praticamente tudo e precisa ser membro da UE pra usufuir do mercado livre e da livre circulacao de pessoas, já que a maioria dos trabalhadores cruza a fronteira com a Espanha todos os dias.

Por fazer parte da UE, Gibraltar tambem votou no referendo de 2016 e nem preciso dizer que o territorio votou quase 100% pra continuar na uniao, né? Infelizmente o voto ‘Leave’ ganhou e Gibraltar também vai sair da UE, o que esta causando um caos danados nas negociacoes, principalmente em relacao a fronteira com a Espanha.

Por falar em fronteira, no momento ela é uma rua comum, tirando o fato de ter um controle de passaporte funcionando 24h por dia. Na minha visita a Gibraltar, a cruzei várias vezes, pois fiquei hospedado do lado espanhol, na cidade de La Linea, em um hotel apenas 10 minutos do centro do territorio, que custou 5x menos que ficar hospedado por la.

Por já ter me alongado demais nesse post, conto o que tem pra fazer em Gibraltar no próximo.


4 comentários sobre “A rocha de Gibraltar – parte I

  1. Gente, eu não tinha noção que era assim rs… muito obrigada pela cultura. Alias, eu sempre confundo Gibraltar, Ceuta, Malta, etc… my bad, I know. Mas depois de ler aqui sobre Malta essa daí comecei a separar rs… agora será Gibraltar 🙂

    1. Hehhehhe! Eu AMO essas coisas, sempre fui fascinado por geografia e historia (nerd que gostava dessas materias na escola). Sou fascinado por lugares pequenos hahah acho que vir do Brasil gigante, me encanta ver lugares tao pequenos terem tanta identidade.

  2. Amo essas suas explicações geográficas, Rick! Eu mesma não sabia quase nada sobre Gibraltar, muito menos desse caos que está sendo instaurado por causa do Brexit. Quem viver, verá como vai ficar a situação, né? Também fiquei curiosa pra ver como funciona essa língua misturada, rs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.