Uma aventura pela Costa Oeste da Irlanda – Aran Islands

Por motivos de a) vício em True Blood b) falta de assunto e c) muitas horas extras no trabalho, eu estou sem tempo pro blog. Prometo voltar com força total logo-logo e pra já entrar no ritmo, vou dividir com vocês a minha última viagem: a aventura pela costa-oeste da Irlanda.

O primeiro destino da minha aventura foram as Aran Islands, que ficam no condado de Galway. As Aran Islands são formadas por 3 ilhas: Inishmore, Inisheer e Inishmaan. Eu fui pra Inishmore, que é a maior das 3 e é habitada por 8 mil pessoas.

Pra chegar lá eu precisei pegar um ônibus com destino à Galway às FUCKING 06h da manhã da sexta-feira santa, de Galway peguei outro ônibus às 09h com destino ao porto e então, um ferry pra chegar à ilha. O ferry custou 29,50 e já está incluso o translado da rodoviária de Galway para o porto, que fica há uns 15 minutos de ônibus.

Nessa brincadeira de ônibus-ônibus-ferry, cheguei na ilha por volta das 11h00 da manhã e, assim como todo mundo, fui correndo alugar a minha bicileta. Paguei 10 euros no diária da bicileta e foi com ela que eu desbravei a ilha.

Por benção dos deuses o tempo estava estupidamente maravilhoso. Tipo, estava maravilhoso MESMO. Sol, céu aberto, sem vento demôníaco, brisa quentinha, cheirinho de mar e pássaros cantando.

WP_20140418_031

A ilha é uma coisa de louco e parece que parou no século XXIII. É praticamente intocável, cheia de muito verde, muita ovelha, muita vaca, muito burrinho simpático, muitos pássaros, poucos carros e quase não tem comércio. É tipo o paraíso!

É assim que o banco lá é.
É assim que o banco lá é.

A cada curva que a gente (meu amigo Jonny foi comigo) virava, víamos alguma coisa muita linda ou muito interessante. Praias formadas por pedras, fazendinhas, casinhas lindas, casas e igrejas em ruínas, pedras gigantes no praia e uma imensidão de verde.

WP_20140418_023

O tempo estava tão bom, que eu não quis pegar mapa e seguir nada, apenas queria pedalar, pedalar, pedalar e depois soltar as mãos, fechar os olhos e sentir o vento na cara. Bom demais!!! Mas isso me fez perder o mais legal da ilha, que é o Dún Aengus, uma formação de pedra que, dizem por aí, ser mais velha do que as pirâmides do Egito!

Eu estava lá e não vi.

Simplesmente esqueci que ela existia e quando me toquei que eu poderia vê-la, já eram 16h e não daria tempo de pedalar até lá, pois ela fica no fim da ilha. Nunca vou me perdoar por esse ERRAÇO de planejamento.

WP_20140418_014

Basicamente meu dia na ilha foi pedalando, subindo e descendo ladeira, soltando as mãos do guidão e curtindo o sol, que acreditem ou não, me deixou cor de jambo!

Vendo o Dún Aengus ou não, o dia na ilha foi sensacional e eu indico pra qualquer um.

Cheguei de volta em Galway por volta das 18h30, fui pro hostel tomar um banho, comi Fish&Chips no melhor Fish&Chips da Irlanda (a plaquinha dizia isso) e fui pra cama, porque o segundo dia prometia: Cliffs of Moher!

Anúncios

5 comentários sobre “Uma aventura pela Costa Oeste da Irlanda – Aran Islands

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s