Ano novo, casa nova

Eu me mudei pra Sligo em abril de 2013 e desde então moro na mesma casa, que fica em uma área super fofa da cidade, de frente pro rio Garavogue e do lado do Doorly Park, que é meu lugar preferido em Sligo.

Mesmo com essas ótimas qualidades, aqui não é o melhor lugar do mundo. Um dos meus housemates é um porcalhão de mão cheia, deixa a mesa suja, lava a louça mal-lavada, deixa presente na privada do banheiro, nunca toma banho e está sempre no meu caminho.

home-casa

Além disso, meu quarto é muito, mas muito pequeno mesmo e já não tem suprido mais as minhas necessidades em relação a espaço e conforto. Pra ajudar, no Natal eu ganhei um bean-bag (puff) da minha chefe e gente, é ele ou eu no meu quarto! Não quero me desfazer dele, pois ele é muito confortável pra ver séries ou pra escrever no blog (o que faço agora), por isso eu resolvi que era hora de mudar de casa.

Andei pesquisando em Sligo e há algumas semanas atrás vi o anúncio de um quarto em um dos meus lugares preferidos na cidade, o Italian Quarter! Entrei em contato com o landlord e marquei uma visita logo depois do trabalho. Na visita eu já me apaixonei pela casa, pela vista e claro, pelo quarto 2x maior! Além disso, por pura coincidência, eu conheço as duas garotas que moram na casa. Uma irlandesa e uma espanhola que são amigas das minhas amigas espanholas e nós já até saímos juntos algumas vezes.

O valor é um pouquinho mais alto, mas nada que pese ou faça eu me arrepender.

Em Dublin eu nunca morei no centro, mas em uma cidade pequenininha como Sligo morar no centro é super, mas super mão na roda mesmo. Agora eu moro perto do Tesco, do cinema, da Penneys, dos cafés, dos pubs, dos restaurantes e diferente de Dublin, não enfrento o problema de “só tem brasileiro no centro”, já que em Sligo eles moram todos no IT.

Não que eles fossem me incomodar, até sinto falta de brasileiros aqui.

Sem contar que no centro eu estou bem mais perto dos meus amigos de Sligo e agora eu posso, finalmente, convidá-los pra jantar em casa!

Alguém tem alguma dica de um prato brasileiro simples que um menino desastrado possa cozinhar?

Anúncios

6 comentários sobre “Ano novo, casa nova

  1. Oi, Rick! O assunto é um pouco fora do contexto, mas gostaria de saber um pouco sobre como foi o processo da cidadania italiana pra você. Muito demorado, difícil de encontrar os documentos, muito caro? Obrigada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s