Leinster House – National Parliament

Essa semana a escola organizou uma visita, digamos, um pouco mais política e diplomática. Nós fomos visitar a Leinster House, no centro de Dublin.

O Leinster House é um palácio construído entre os anos de 1745-1747 e que serviu de residência para James Fitzgerald, Conde de Kildare. Em 1776, James Fitzgerald, então Conde, tornou-se o Duque de Leinster (isso porque Dublin e Kildare estão na província de Leinster) e o palácio foi rebatizado para “Leinster House”.

Em 1815, August Frederick, terceiro Duque de Leinster, vendeu a propriedade para a Royal Dublin Society e desde então, o palácio é do governo. Hoje, na Leinster House, funciona o Parlamento Nacional Irlandês (The Oireachtas), que é composto por 3 poderes: O Presidente, o Dáil Éireann (The House of Representatives) e o Seanad Éireann (The Senate).

O Dáil Éireann e o Seand Éireann são duas câmaras distintas que funcionam dentro da Leinster House. Sendo o primeiro composto pelos deputados, que são eleitos pelo povo irlandês através do voto direto (não obrigatório aqui). Os deputados, assim como no Brasil, são os responsáveis pelas leis. O segundo é composto pelos senadores, que não são votados e sim escolhidos. São 60 no total, sendo 43 das mais diferentes áreas (agricultura, comércio, cultura, educação, etc), 3 da Universidade Nacional da Irlanda, 3 da Universidade de Dublin (Trinity College) e 11 são nomeados pelo Taioseach (Primeiro Ministro), que faz parte do Dáil Éireann.

Leinster House e galera da Arena

Leinster House e galera da Arena

Na mesma área onde fica a Leinster House também fica o Museu Nacional da Irlanda, a Galeria Nacional da Irlanda e a Biblioteca Nacional da Irlanda. Já falei aqui sobre eles.

Ao entrarmos no palácio fomos recepcionados por um senhor irish dos cabelos brancos que nos deu as boas-vindas e as primeiras instruções, dentre elas: não tirar fotos e mexer no celular. #chatiadu

O passeio foi guiado por um membro do staff da Leinster House que VOMITOU um mundo de informações sobre cada sala/cômodo/câmara/quadro do palácio. Eu só conseguia entender uma ou outra frase por completo e um monte de palavras pingadas, mas tudo bem, a visão do lugar compensava.

O palácio é absolutamente lindo por dentro, cheio de detalhes dourados, esculturas de artistas, quadros belíssimos e algumas relíquias. O gaélico, idioma irlandês, é muito falado dentro do palácio e todos os avisos/quadros/placas são escritos, além do inglês, em gaélico.

Depois de conhecer quase todo o palácio, fomos levados até a câmara onde acontecem as sessões e surpresa! Iria começar uma em alguns minutos! Ficamos para ver, claro. Foi nessa hora que fui inventar de tentar responder uma sms e uma irlandesa chata pediu para eu desligar o celular.

Claro que eu não entendi nada da sessão.

Ao fim da sessão, acabou a visita. Deixamos a Leinster House e fomos direto para o “The Dawson Lounge“, possivelmente o menor pub DO MUNDO! Ninguém é de ferro, né?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s